10 de julho de 2008

Quiromancia

De propósito passei a utilizar três cobertores;
de propósito conheci uma menina que respira pelo umbigo;
foi de propósito que deixei a janela aberta no vendaval;
de propósito também conheci uma menina que tosse ao limpar as orelhas;
de propósito respirei e percebi que o almoço estava pronto;
bem de propósito avistei a ruiva de saia preta;
de propósito deixo o telefone curar minha saudade;
e de propósito chegou a menina do maracatu;
de propósito sonhei que tinha um tubarão na piscina;
de propósito me mostraram o menino do tororom;
também foi de propósito que aprendi a amar a irmã que ganhei;
e obviamente de propósito a menina das sapatilhas apareceu;
de propósito não voltei a comer amendoim;
de propósito conheci um menino que não pronuncia dois erres;
de propósito não esqueci a amizade da infância;
de propósito três anos e meio mudaram minha vida;
e de propósito prefiro não saber se seis meses decidirão se permaneço no lugar que me fez tão feliz.

3 comentários:

Mauricio Toczek disse...

permanece sim. Pense que com o aquecimento global, guarapuava vai se tornar um lugar com um clima ótimo.

Quanto às minhas atualizações, bem, tipo assim, só tenho idéias para textos chatos, e não quero que o blog seja chato. Sei que você me compreende. :)

Mas eu juro que estou tentando pensar em algo legal.

abraços Michele Florestas

Marina disse...

De propósito vou fazer um comen-
tário sobre este texto: rsrsrsrs
Gostei demais, respirar pelo um-bigo esta foi de + .
parabens.

Michele Matos disse...

A Marina deixou claro que foi de propósito que ela escreveu um-bigo.
=)