3 de janeiro de 2008

Andei observando...

Maria Luíza é uma jovem blasé que diz que só assiste a filmes "cult" mas nas férias desfruta de todas as comédias românticas que tem direito. Antes de entrar na faculdade ela era um livro fechado que não chorava, hoje ela consegue traduzir em palavras 50% do que sente e chora quando tem vontade. Ela aprendeu muito com seus amigos Melissa e João Gabriel.
Maria luíza sonha conhecer o Maurício de Souza e apresentar ao menos uma vez o Jornal Nacional. Ela se encanta com uma pessoa a partir do momento que presencia uma boa ação.
Aos poucos ela está se livrando de seus preconceitos e poderia ser considerada uma jovem calma se o tic tic da caneta não lhe causasse tanta aflição.
Ela tem vergonha de dizer que escreve em diário, que fez uma lista com as características da pessoa ideal e que conversa com seu anjo da guarda que carinhosamente ela apelidou de Zazá.
Ela admira Sto Arnaldo Yanssen, São Francisco Xavier e São Longuinho, admira também o Luís Fernando Veríssimo.
Se eu fosse a Maria Luíza aproveitaria bem esse último ano da faculdade, valorizaria como nunca as amizades que já provaram ser verdadeiras.
Eu não a conheço, mas é como se conhecesse...

3 comentários:

Mauricio disse...

Segundo a minha mãe, meu nome foi inspirado no Mauricio de Souza. Sou fã dele. Nisso eu concordo com a Maria, pois também quero muito conhecê-lo. O Francisco é meu tio. Não sabia?

Você vai aguentar um ano inteirinho sem bolinhas de sabão? Que coragem hein. :0

Mauricio disse...

eu tenho uma tia que parece com a Michelle Pfeiffer com muita maquiagem. Também tenho uam prima que eu não vejo faz tempo que se chama michele. Uma vez estudei com 4 micheles ao mesmo tempo. Tem uma música dos Beatles que se chama My Michelle. Seu nome é mais legal =)

Dom disse...

Dom Quixote
(ventoonde.blogspot.com):

A vida é curta, a faculdade é densa, mas é curta. Nos escondemos em personagens para não mostrar a breviedade de nossos pensamentos e ações. Eu me idêntifico com a menina Maria Luiza