27 de novembro de 2007

Traumas e Temores

Um dia desses fui ao banheiro da faculdade e só o último estava desocupado. Eu confesso: Tive medo, por um minuto me veio à lembrança aquela imagem que na infância eu nunca vi, mas minha imaginação construiu, aquela loira, ferida, vestida de branco, com algodão nas narinas que desejava vingança. Acho que esse foi um dos meus maiores medos da infância.
Talvez somente eu tenha esse problema mas os medos ainda me acompanham. Hoje sou bem mais racional, sei que é tudo lenda, mas por precaução prefiro não deixar o guarda-roupa aberto, é melhor não saber que criaturas habitam as profundezas daquele lugar todas as noites.
De quem é a culpa? Dos adultos? Da mídia ou da imaginação fértil das crianças?
Acho que é uma mistura de tudo isso, sei que foi difícil a decisão: Entrar ou não naquele banheiro? Mas meu medo passou quando eu caí em si e pensei: “Não! A loira não aparece nas faculdades, é só em escolas! Ufa...”

2 comentários:

Mauricio disse...

Como assim não aparece em faculdades?!?!?! Uma vez,quando eu fiquei até tarde na UNICENTRO arrumando um computador da Psiu!, eu tive que passar por aqueles corredores na escuridão. Eu vi um vulto muito suspeito passar perto de mim. Até hoje me dá calafrios quando eu lembro. brrrrrr...

Mari Duarte disse...

Na verdade aparece em qualquer banheiro Mi! Tomemos cuidado, ate aqui em casa pode aparecer